O que é SushiSwap? Tudo o que você precisa saber sobre o token SUSHI

O ano de 2020 já é considerado o ano da DeFi, acrônimo para “decentralized finance”, expressão em inglês para finanças descentralizadas. 

Resumidamente, as DeFi têm como objetivo tornar as finanças mais acessíveis e menos dependentes de intermediários ou reguladores, como instituições financeiras, custodiantes ou bancos centrais.

Desde então, esse mercado mais do que dobrou no valor total bloqueado (TLV), com uma série de produtos inovadores desenvolvidos para fornecer aos investidores formas criativas de obter retornos sobre seus investimentos, como a agricultura de rendimento.

Um bom exemplo dessa inovação é o SushiSwap, que em 2020 introduziu uma nova estratégia de negócios, um tanto quanto questionável, mas que, sem dúvidas, mudou a dinâmica da comunidade DeFi. Quer saber como? Continue lendo este artigo e conheça a SushiSwap e seu token de recompensas, o SUSHI. 

 

O que é SushiSwap

SushiSwap é um protocolo descentralizado, de propriedade e administrado pela pela comunidade, que permite fazer swaps entre tokens ERC-20, construída na rede Ethereum. Esses swaps são realizados graças a usuários que depositam seus ativos em pools para poder dar liquidez aos comerciantes que buscam fazer essas trocas, recebendo um retorno através das taxas geradas pelo protocolo. 

Diferentemente de qualquer exchange centralizada (CEX), que viabiliza a negociação de criptoativos através de um livro de ofertas, o SushiSwap utiliza um um mecanismo chamado AMM (Automated Market-making), que aproveita contratos inteligentes para criar e gerenciar pools de liquidez.

Usuários congelam seus ativos através desses contratos, propiciando maior liquidez ao mercado e, em troca, recebem o token SUSHI. 

O SUSHI atualmente possui um fornecimento máximo de 250 milhões de unidades. 40 SUSHI são cunhados a cada novo bloco e todos os 250 milhões de tokens devem ser cunhados até novembro de 2023.

 

Uniswap vs. SushiSwap     

O SushiSwap nasceu em agosto de 2020 através de um fork (bifurcação) do código aberto da Uniswap v2. O projeto foi idealizado por uma pessoa sob o pseudônimo Chef Nomi e mais alguns colaboradores. Na operação, a equipe adicionou uma novidade, um token de governança, SUSHI, que usuários poderiam comprar ou ganhar para obter participação em decisões da SushiSwap. 

A liquidez inicial da plataforma foi portada da Uniswap usando um método apelidado de ataque de vampiros. O SushiSwap ofereceu aos usuários prêmios de token SUSHI em troca de congelamento de fundos em pool especial do Uniswap. Assim que o código do SushiSwap foi concluído, os fundos desse pool foram transferidos para o SushiSwap. Mas não por completo.

Poucos dias antes da migração final, quando o token SUSHI estava quebrando novos recordes, Chef Nomi — que ainda era o único beneficiário da chave administrativa do projeto — decidiu vender todo o seu SUSHI, no valor de cerca de US$ 14 milhões, o que sozinho levou o preço do token a uma queda de 50%.

Não demorou muito para o chef Nomi perceber seu erro.  Ele bem que tentou se explicar, mas não conseguiu convencer a comunidade de suas boas intenções – mesmo devolvendo todo o valor subtraído depois – e acabou deixando o comando do projeto. 

Para sossego dos investidores, após o episódio, a propriedade do SushiSwap foi transferida para Sam Bankman-Fried, que é CEO da exchange de derivativos FTX e da fintech Alameda Research. Logo que assumiu o comando, Bankman-Fried transferiu o controle do projeto para vários membros da comunidade, a fim de tornar o SushiSwap descentralizado.  

 

Como funciona a estrutura do SushiSwap? 

Umas das principais funções do token SUSHI é o pool de liquidez, que viabiliza os trades sem a necessidade de parear usuários. 

O pool permite que os usuários da plataforma possam depositar seus tokens e deixá-los bloqueados e em troca ganham tokens SLP (SushiSwap Liquidity Provider) que representam sua participação no pool. 

Para criar um pool de liquidez ou fazer parte do pool de liquidez, o valor que um usuário contribui deve ser dividido igualmente entre duas moedas. O token principal é conhecido como o “token de cotação”, e o token base é principalmente ETH ou uma moeda estável.

Os provedores de liquidez têm que depositar ambos os tokens do par com uma proporção 50:50. Por exemplo, se você quiser enviar DOGE e ETH, você precisa depositar R$50,00 de DOGE e R$50,00 de ETH. Neste caso, você contribui com R$100 de liquidez, portanto, sua remuneração das taxas de trade será proporcional à sua contribuição. Um usuário que depositar DOGE e ETH em um pool de liquidez específico receberá os tokens DOGE-ETH SLP.

As negociações na SushiSwap funcionam por meio de um formador automático de mercado (AMM), que usa uma fórmula x * y = k, em que x representa a quantidade de um token em um pool de liquidez, y é a quantidade de outro ativo e k é uma constante fixa. 

https://docs.sushi.com/products/amm-exchange

Uma vez que a transação seja bem sucedida, você se tornará um provedor de liquidez no pool selecionado, e ganhará uma taxa de liquidez para cada transação nesse pool de liquidez.

Enquanto os fundos estão bloqueados em um pool de liquidez, os comerciantes interessados, tendo pago uma taxa, podem comprar e vender criptomoedas do pool. 

Além de receber uma recompensa por deixar seus criptoativos “bloqueados”, o usuário (LP), também recebe uma porcentagem dos trades que acontecem dentro do pool. 

Quando os usuários fazem uma negociação no SushiSwap eles pagam uma taxa de comércio de 0,3%. 0,25% da taxa irá para os Provedores de Liquidez e 0,05% para os titulares xSushi. 

Yield Farming

Sobre a recompensa, os tokens SLP também podem ser alocados na Farm (agricultura de rendimento) e é uma maneira que o usuário pode utilizar para ganhar mais tokens SUSHI.

Igualmente como ocorre com o pool de liquidez, você “congela” seus criptoativos e recebe o SLP. Porém, para o yield farm, o SLP é depositado em um protocolo específico SushiSwap, que então empresta para pessoas que precisam de empréstimos a uma determinada taxa de juros. 

Os juros pagos ao SLP (para aquele que emprestou) nesta modalidade geralmente são calculados em termos anuais. Assim, um yield farming que paga 10% significa que o investidor terá 10% de retorno após um ano de investimento. Existem duas principais métricas utilizadas no cálculo dos retornos anuais: Taxa de Porcentagem Anual (APR, na sigla em inglês) e Rendimento Percentual Anual (APY, na sigla em inglês). 

No SushiSwap, além do pool de liquidez, das negociações e do yield farm,  existe uma gama de produtos/serviços disponíveis para usuários, como empréstimos (Kashi), dApps (BentoBox) e staking derivatives (xSushi). 

Governança

Os detentores de tokens SUSHI podem votar em propostas de melhoria de protocolo, atualizações de UX, definir as taxas de agricultura de rendimento, votar sobre como os fundos de desenvolvimento do Tesouro (fundos de desenvolvimento) são usados, propor melhorias futuras, e assim por diante. 

Na teoria, é como se um token equivalesse a um voto, portanto quanto mais tokens você tiver, mais poder seu voto  tem. Ou seja, o destino do SushiSwap está inteiramente nas mãos dos portadores de SUSHI. 

A operação do dia-a-dia , rebalanceamento de pools é decidido pelo Sushi Chef e a equipe principal, ficando as decisões estruturais para a comunidade.

 

Futuro do SushiSwap

Embora o Sushi seja baseado no código da Uniswap, ele adicionou muitos recursos inovadores ao seu sistema ao longo do tempo.

Apesar de seu furor inicial e origens contestáveis, atualmente o SushiSwap possui uma liquidez total bloqueada de mais de US$ 5 bilhões.

Gráfico SUSHI/USDT no VectorPro

O preço do SushiSwap varia de acordo com sua demanda e popularidade. No momento em que este artigo é escrito, seu valor unitário é de US$ 10.56  com um volume de negociação em 24 horas de US$ 410.285.676. Para informações atualizadas em tempo real, você pode acessar o site Sushi

 

Pronto para negociar? 

Agora que você sabe tudo sobre SushiSwap e como esse protocolo introduziu uma nova estratégia de negócios, mudando a dinâmica da comunidade DeFi, você poderá negociar os tokens SUSHI nas maiores exchanges de criptomoedas do mundo.

Se você gostou desse artigo e quer analisar com mais profundidade os principais indicadores técnicos e dados do SushiSwap, conheça o Vector Pro e tenha à disposição as ferramentas mais avançadas de negociação e análise do mercado de criptomoedas!