Dogecoin
Dogecoin

O que é Dogecoin? Conheça o “meme” que se tornou uma das principais criptomoedas do mundo

A Dogecoin entrou no ranking das 5 maiores criptos, com mais de US$ 80 bilhões em valor de mercado, superando empresas do mercado tradicional

Imagine que você e seus amigos resolvam criar uma criptomoeda inspirada em um meme da internet. Agora imagine que, anos depois, essa brincadeira tenha mais de US$ 80 bilhões em valor de mercado, deixando para trás criptomoedas renomadas, como o Litecoin, Tether e Bitcoin Cash. Essa história é real, e o nome do meme é Dogecoin.

Quer entender como essa brincadeira entrou no top 5 das maiores criptomoedas do mundo? Então continue conosco, pois nesse artigo vamos falar sobre as principais características da Dogecoin e como ela se tornou a queridinha dos bilionários dos EUA.

O que é Dogecoin?

Como todas as criptomoedas, a Dogecoin é um ativo digital que pode ser negociado, transferido e utilizado como meio de pagamento. A moeda foi criada no final de 2013, pelos engenheiros de software Billy Markus e Jackson Palmer, como uma brincadeira: Palmer escolheu um meme como logotipo, que apresentava a palavra “doge”, uma forma errada de escrever “dog”, para descrever um cão da raça Shiba Inu que aparece na moeda.

Shiba Inu
Cão da raça Shiba Inu (Crédito: Maxim Izbash)

Markus, um programador da IBM de Portland, Oregon, com o propósito de tornar seu estranho sonho em realidade, buscou ajuda de Jackson Palmer, que trabalhava para a Adobe, na época. No mesmo ano Palmer comprou o domínio dogecoin.com – graças ao meme “doge” que estava em alta na internet.

A idéia era apenas se divertir com uma moeda digital que valia frações de centavos de dólar. Entretanto, mais pessoas entraram na brincadeira e criaram um fórum no Reddit, com o objetivo de publicar memes e trocar gorjetas de DOGE entre os comentários divertidos.

O fórum ganhou força e os integrantes resolveram participar de campanhas de caridade. Em em janeiro de 2014, eles levantaram quase US$ 30 mil em Dogecoins para enviar a equipe jamaicana de bobsled para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014. A campanha Doge4Water arrecadou US$ 32 mil para fornecer água potável no Quênia. A arrecadação ocorreu após a emissão de novos tokens de DOGE e a negociação dela com pares de stablecoin de dólar.

Hoje em dia, a Dogecoin superou o status de meme e alcançou o seu lugar entre as cinco maiores criptomoedas do mundo em valor de mercado. Logo nos primeiros meses de 2021, o token DOGE valorizou mais de 5.000%. Essa alta foi impulsionada, principalmente, pelo apoio do CEO da Tesla, Elon Musk, que declarou a Dogecoin como sua criptomoeda favorita. Musk também chamou a Dogecoin de “criptomoeda do povo”, e prometeu levar um token físico da moeda para a Lua.

No início de abril, a Dogecoin valorizou 500% em apenas uma semana após comentários de diversas personalidades no Twitter. Uma delas foi o famoso chef de cozinha e apresentador de TV dos EUA, Guy Fieri, que disse “Lançamento para a LUA #Dogecoin”. Além dele, o bilionário e proprietário do time de basquete Dallas Mavericks da NBA, Mark Cuban, também demonstrou seu apoio à criptomoeda na rede social.

Como a Dogecoin funciona?

A Dogecoin faz parte da primeira geração de criptomoedas e foi desenvolvida com a tecnologia Blockchain semelhante ao Bitcoin e Litecoin. O principal objetivo desta moeda digital é permitir que as transações peer-to-peer ocorram com total privacidade e segurança.

Billy Markus afirmou que levou apenas 3 horas para criar a Dogecoin. Ele descreveu que literalmente usou a função “F” para percorrer o código do Bitcoin e substituir o que desejava na criação da Dogecoin. Ele também fez alguns ajustes para aprofundar o conceito, como mudar o termo mineração para “escavação” e diminuir o tempo do bloco para 1 minuto.

A Dogecoin usa um algoritmo de consenso proof-of-work para manter a rede segura, entretanto, este sistema PoW não é a mesma versão SHA-256 usada pelo Bitcoin. Em vez disso, a rede utiliza um scrypt em seu mecanismo PoW para evitar o uso de rigs de mineração do Bitcoin que possuem alto poder computacional. Para minerar DOGE, é ideal utilizar dispositivos dedicados FPGA e ASIC

No ecossistema da Dogecoin, os mineradores validama transações e adicionam novos blocos à rede. A mineração de DOGE é menos competitiva em compraração ao do Bitcoin. Um ponto curioso é que os desenvolvedores nunca fizeram uma pré-mineração, portanto, eles não criaram reservas antes que a rede se tornasse pública.

Dogecoin X Bitcoin

A Dogecoin tem algumas diferenças significativas em comparação com o Bitcoin. Primeiro, é mais rápido e fácil para os mineradores solucionarem as equações matemáticas que registram as transações no Blockchain, o que torna a Dogecoin um pouco mais eficiente para o processamento de pagamentos. No caso do Bitcoin, o bloco leva 10 minutos para ser processado, enquanto que na rede da Dogecoin, um bloco é minerado em apenas 1 minuto.

Gráfico Vector Pro: Bitcoin x Dogecoin
Gráfico Vector Pro: Bitcoin x Dogecoin

Em segundo lugar, a Dogecoin não possui limite de emissão de tokens, enquanto que no whitepaper do Bitcoin, a previsão é de 21 milhões de bitcoins emitidos até o ano de 2140. Isto significa que a rede de mineradores ainda vai trabalhar por muito tempo, garantindo novos bitcoins no mercado por mais de um século, e até certo ponto, colaborando para que o princípio da escassez aumente o valor da moeda ao longo dos anos.

Dogecoin a caminho da Lua

A Dogecoin não é mais uma brincadeira. Sua popularidade disparou astronomicamente este ano, impulsionada em parte pela adoção do Bitcoin e de outras criptomoedas por investidores institucionais, como a Tesla, por exemplo. Além de Elon Musk, outras celebridades, incluindo o rapper Snoop Dogg e o músico de rock Gene Simmons, também o promoveram  a DOGE nas redes sociais. Musk recentemente afirmou em um tweet para seus 50 milhões de seguidores, que a SpaceX irá enviar um satélite chamado “DOGE-1” para a Lua em 2022, com a missão sendo totalmente financiada com o token DOGE.

O anúncio da SpaceX vem logo após uma queda no valor da Dogecoin, quando Musk, em participação do programa Saturday Night Live, chamou a criptomoeda de “esquema” durante um dos quadros do programa de comédia, o que levou o token DOGE a cair 30% nas análises especializadas.

Gráfico Dogecoin no Vector: DOGE/USDT
Gráfico Dogecoin no Vector: DOGE/USDT

Apesar do tom de brincadeira, a SpaceX parece falar sério sobre levar a Dogecoin ao espaço: algumas horas após a publicação de Musk a Geometric Energy Corporation, empresa que participou do projeto junto à SpaceX, anunciou em comunicado oficial que a Dogecoin foi escolhida como moeda oficial para os próximos negócios que envolvem as duas empresas e que a DOGE se provou rápida e confiável. Em um comunicado divulgado pela Geometric Energy, o vice presidente de vendas comerciais da SpaceX, Tom Ochinero, disse: “Esta missão vai demonstrar a aplicação da criptomoeda para além da órbita da Terra, estabelecendo o alicerce do comércio interplanetário”.

Pronto para negociar?

Agora que você já sabe como o “meme” do Dogecoin se tornou uma das principais criptomoedas do mundo, você poderá negociar o token DOGE nas maiores exchanges de criptomoedas do mundo.

Se você gostou desse artigo e quer analisar dados On-Chain do DOGE com mais profundidade, conheça o Vector Pro e tenha à disposição as ferramentas mais avançadas de negociação e análise do mercado de criptomoedas.